TiVi na LiLi – O Melhor site de comunicação empresarial
Image default
Colunas com LiLi Bezerra - Marketing de Influência - RP Promova Sentimento

Belas Artes Promove Atividade com Calouros e Debate a Responsabilidade nos Detastres de Brumadinho e Mariana. Veja Aqui 💋tivinaLiLi com LiLi Bezerra

Belas Artes Promove Atividade com Calouros e Debate a Responsabilidade nos Detastres de Brumadinho e Mariana veja aqui 💋tivinalili com lilibezerra

 

Os calouros tiveram que construir pontes com materiais frágeis para entenderem a responsabilidade técnica em obras públicas e privadas

 Esta semana começaram as aulas na maioria das instituições de ensino e a Belas Artes de São Paulo – que não permite a prática do trote – promoveu uma atividade interdisciplinar com os calouros. Dentro de suas regras de ouro – a convicção, o desejo e o esforço de tornar o mundo melhor, mais responsável, mais humano, justo, livre e cooperativo formando seres humanos e profissionais mais altruístas, felizes e capazes de melhorar a sociedade – a instituição discutiu a responsabilidade técnica na atuação profissional utilizando exemplos recentes de tragédias ocorridas no País: Brumadinho e Mariana.

Divididos em grupos, todos os estudantes ingressantes neste primeiro semestre de 2019, foram desafiados a construírem pontes sólidas e consistentes utilizando materiais frágeis e delicados, como macarrão (espaguete), cola, cola quente, fitas adesivas, entre outros, e que refletissem ao longo da atividade a importância da construção. Os jovens receberam orientações dos professores, inclusive explicações sobre o que aconteceu nas duas cidades mineiras devastadas e, em seguida, foram distribuídos em grupos formados por alunos de diferentes cursos com a ideia de que cada um pudesse contribuir com óticas diferentes.

“A Belas Artes tem Regras de Ouro muito claras e objetivas e o aluno precisa ter em mente isso de início. A Regra número um é ter metas para tornar o mundo melhor e só é possível fazer isso sendo ético, honesto e profissional. Queremos formar seres humanos capazes de transformar a sociedade e evitar – cada um em sua área de atuação – que catástrofes como as de Brumadinho e Mariana aconteçam”, afirma o Professor Sidney Leite, o Pró-Reitor Acadêmico da Belas Artes.

A escolha pelo macarrão, além de ser delicado e desafiar o estudante a deixá-lo resistente, não foi aleatório. O macarrão é orgânico e facilmente devolvido ao meio ambiente, diferente de outros materiais como a madeira ou sintéticos.

As estudantes de Design Gráfico e Desenho de Animação, Beatriz Aurich, Grazielle Rosmaninho, Amanda Duarte e Fernanda Carolina, não tinham familiaridade com o tema e finalizaram o projeto impactadas sobre a importância da qualidade dos materiais e da manutenção das construções, e como a falta dessas iniciativas afetam a sociedade, reforçando que o mesmo tem acontecido nos centros urbanos, como no caso dos viadutos de São Paulo que também tiveram rupturas e estão interditados.

“Eu morei na Bahia e costumava viajar de carro com a minha família. No caminho, passávamos pelo Espírito Santo e em uma ponte linda que, após o desastre na cidade de Mariana, o rio ficou repleto de lama. A mudança da cor da água foi impactante para mim e fazer este exercício me trouxe aquela imagem à memória”, informou Beatriz Aurich, caloura do curso Design Gráfico.

Você também pode gostar:

Amigos fazem campanha para o querido Patrick Sousa que se encontra em estado gravíssimo no Hospital Geral de Palmas. Unidade de Coleta no HGP Palmas Tocantins.

Edna

Pastoral da Criança Ganha Bolo de 300kg do CONDOR. #💋tivinaLiLi

Lili Bezerra

MID® e FIT™ lançam promoção “O Bom é Dividir” e utilizam linguagem das redes sociais em campanha. Veja 💋tivinaLiLi com LiLi Bezerra

Lili Bezerra
Carregando...